Palestras

a) Consumo Consciente

De onde vem tudo que consumimos? Para onde vai o que sobra desses produtos e serviços que consumimos? Qual o seu processo produtivo? Qual é o impacto que gera no meio ambiente e na vida das pessoas? Nessa palestra chamamos os participantes para uma profunda reflexão a respeitos dos padrões de consumo atuais e como podemos mudar alguns hábitos para consumir de forma mais consciente e, consequentemente, garantir a qualidade de vida.

Metodologia: palestra expositiva dialogada (exposição de conteúdo com participação ativa dos interessados)

Duração: 1 a 2 horas

Resultados Esperados: participantes bem informados sobre os impactos do consumismo e o ciclo de vida dos produtos e serviços consumidos. Incentivo para mudança no padrão de consumo, diminuição do impacto negativo e aumento da qualidade de vida.

b) Alimentação Saudável

O modelo global de produção, distribuição e consumo de alimentos precisa ser revisto, e com urgência. Segundo dados de um estudo, publicado em 2015, produzido pela FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação), aponta que no mundo quase 800 milhões de pessoas ainda passam fome, enquanto a obesidade e o sobrepeso atingem 1,9 bilhão de pessoas. De fato, nunca produzimos tanta comida, ao passo que o futuro desta produção nunca foi tão incerto, o uso intensivo de agrotóxicos e de recursos naturais (solo e água, por exemplo), a expansão da fronteira sobre matas nativas e a enorme contribuição da agropecuária para as mudanças do clima colocam em xeque esse modelo insustentável e desigual.
Paralelamente, a má alimentação tornou-se um dos motivos mais comuns para o desenvolvimento de uma série de doenças. Nessa palestra abordaremos a alimentação saudável como uma alternativa para a expansão da qualidade de vida de forma integral.

Metodologia: palestra expositiva dialogada (exposição de conteúdo com participação ativa dos interessados).

Duração: 1 a 2 horas

Resultados Esperados: participantes bem informados sobre os impactos da alimentação saudável de forma integral na qualidade de vida. Redução de impactos negativos causados pela má alimentação no meio ambiente e na vida das pessoas.